Servindo como um histórico, a documentação radiológica é parte importante de qualquer tratamento — principalmente na Ortodontia, que exige uma série de fotos, imagens radiográficas e moldagens (físicas ou digitais).

Mas ela vai muito além disso: pode ser usada até pela Odontologia Forense, mostrando-se essencial para identificar condições antemortem e postmortem de um indivíduo.

Neste post, você vai saber com mais detalhes qual a importância da documentação radiológica para o profissional e para o paciente. Confira!

O que é a documentação radiológica?

É uma série de procedimentos feitos por um profissional de Radiologia. Nele, consta o parecer (laudo) do radiologista, ou seja, o que ele identificou após analisar as imagens captadas.

Quais são as primeiras documentações solicitadas?

Além das imagens radiológicas, outros tipos de exame podem ser solicitados para a documentação radiológica:

> modelos de estudo em gesso ou digitais, feitos com escaneamento intraoral e criação de modelo digital em software;
> exames radiográficos extraorais: radiografias panorâmica e cefalométrica;
> exames radiográficos intraorais: radiografias periapicais e interproximais;
> telerradiografia (radiografia que gera imagem em tamanho real);
> pastas com formulários para avaliação ortodôntica;
> tomografia computadorizada;
> Radiografias intra e extraorais;
> radiografia carpal.

Qual a importância da documentação radiológica?

A documentação radiológica fará parte do histórico do paciente. Você poderá avaliar a evolução do indivíduo durante todo o tratamento, já que, com ela, é possível estudar detalhadamente cada elemento dentário de um indivíduo. Além disso, ela permite que você visualize diversas anomalias e patologias:

> problemas intraósseos;
> apinhamento dentário;
> fratura nos dentes;
> estrutura óssea;
> falta de dentes;
> perdas ósseas;
> maloclusão;
> infecções;
> diastema;
> cáries.

A documentação radiográfica serve como registro documental sobre o tratamento. Além de contar como histórico do paciente, serve como prova do trabalho do odontologista. Portanto, é essencial manter uma imagem radiográfica inicial antes de qualquer procedimento. Mas também por segurança, o ideal é obter outra imagem como término do planejamento.

Lembre-se de que a documentação radiológica deve ser solicitada com objetivos claros. Portanto, cada paciente pede um tipo específico de radiografia, por exemplo.

Entendeu qual a importância da documentação radiológica para o trabalho do odontologista? Todos esses benefícios só são possíveis graças ao desenvolvimento da Radiologia, hoje mais digital e ainda com mais possibilidades! #vempraima e tenha acesso à todos os benefícios!

Fonte:

dviradiologia.com.br

Leave a Reply

×

Powered by WhatsApp Chat

×